Meleca na cozinha's Blog

Posts Tagged ‘Doce

Quem quer??

Quem quer??

Sabe quando você vê uma coisa?

Uma coisa que fica martelando na sua cabeça o tempo todo.
O cupcake de paçoca foi uma delas. Desde quando eu vi essa foto da Re Prazeres a foto ficou martelando na minha cabeça.
Aí, quando a receita apareceu no blog da Barra Doce, eu fiquei doida.
Mas a vida me levou por mil caminhos já descritos aqui e a receita ficou escondida no fundo do meu coração.

Esta semana uma coisa ficou martelando na minha cabeça. Cupcake. Cupcake. Eu tinha que fazer, eu tinha que comer.
Mas qual? Lembrei deste livro maravilhoso que a Raquel de Meneses.

Há, não é que tinha a receita de cupcake de paçoca?

Vamos lá?

Lembrando que essa receita rende 8 cupcakes grandes ou uns 12 cupcakes mini.

Levemente adaptado daqui.

Massa

80 gramas de manteiga sem sal em temperatura ambiente
2 ovos
1 gema
1 1/2 xícara de paçoca
3/4 xícara de farinha de trigo peneirada
1/2 xicara de açúcar
1 colher (chá ) de fermento em pó
1/2 colher (chá ) de sal
 
Para a  ganache
3 xícaras de chocolate meio amargo (ou ao leite) em pedaços
30 gramas de manteiga sem sal em pedaços
1 1/3 xícara de creme de leite (fresco ou não)
 
Para a massa
 Em uma tigela, misture a manteiga, os ovos e a gema com um fouet.
Junte os demais ingredientes, mexendo bem, até a mistura  ficar homogênea.
Distribua as forminhas de papel na forma e preencha com a massa apenas, 3/4 da capacidade.
São mais ou menos duas colheres de sopa em cada forminha
Asse em forno médio (180º) preaquecido por cerca de 10 minutos ou até que a massa esteja cozida e levemente dourada.
Retire da forma e deixe esfriar completamente antes de colocar a cobertura.
 
Cobertura
Pique o chocolate e misture com a manteiga.
Ferva o creme de leite (pode ir em frente, sempre mexendo) e misture ao chocolate com a manteiga até formar uma mistura homogênea.
Coloque por cima dos cupcakes e esfarele algumas paçocas por cima.
 
Eu recomendo colocar um recheio como uma geléia ou um doce de leite, porque achei que ficaram muito secos.
 
Coma e divida com os amigos e delicie-se!
 
Uma semana linda para todos!!!
 
Beijos
 
Amanda 
@melecanacozinha
 
 

 

Anúncios

Tem gente que muda a vida da gente (profundo isso né?)

No meu ano de 2011 assim como o Véio, o Rafael Manteso agregou muito amor e risadas a minha cozinha.
Ele com o seu Marketing na Cozinha fala de comida de uma forma genial, e  o facebook e o twitter dele, são garantias de umas boas risadas durante o dia.

Um dia, ele publicou no facebook esta foto:

Vamos começar a chamar de pacomê?

Bora?

 

Como vocês sabem, eu sou uma pessoa lombriguenta. Hummm quem não gosta de pavê?
Eu já tinha feito pavê uma vez, mas, enfim a lembrança dele se perdeu no universo.
Sabia que esse pavê tinha que ser especial, para honrar o “pacomê” da foto.
Como o Universo conspira ao nosso favor, bem na semana da foto eu recebi a revista da nestlê  com uma receita de pavê de chocolate.

Como assim pavê e chocolate juntos?
Bora fazer essa gordisse já!
Eu fiz a receita para o Natal,  mas aproveita gente e faz ela para o Ano Novo!

Vamos Lá?

Eu dei uma leve adaptada da receita da revista.

Ingredientes
Creme de chocolate
3 gemas
1 lata (395 grs) de leite condensado
1/2 lata  de leite
1/2 colher de sopa de amido de milho
4 colheres de chocolate em pó

Cobertura
1 caixinha de creme de leite
3 claras
5 colheres de sopa de açúçar

2 pacotes (pequenos) de biscoitos champagne

Para molhar os biscoitos

3 colheres de licor (eu usei de jenipapo)
1 xícara de leite

Para o pavê inteiro você vai utilizar uma barra de 170 gramas de chocolate meio amargo.
No meu caso eu usei o amaro, porqué é 43% de cacau.

Em uma panela misture o leite condensado, com o leite, o amido de milho, as gemas peneiradas e o chocolate em pó. Essa hora exige paciência zen budista, pois você deve levar em fogo baixo, mexendo até engrossar.

No meu caso pareceu que eu estava mexendo por uma hora, mas na verdade acho que foi só por uma meia hora.

Reserve o creme de chocolate e faça a cobertura.

Bata as claras em neve, e aos poucos continue batendo e adicionando o açúçar.
Desligue a batedeira, e com a ajuda de um fouet (ou uma colher mesmo, mas um fouet na cozinha gente é tudo de bom), misture bem devagar até tudo ficar bem homogêneo. Reserve.

Umedeça os biscoitos na mistura de leite com licor, nada impede que você coloque mais licor, depende  do seu público que vai comer o pavê.
Faça uma camada de biscoitos, creme de chocolate e pare!
Rale metade da barra de chocolate por cima do creme de chocolate.
Continue com uma camada de biscoitos  e coloque a cobertura e pare!
Por cima rale a outra metade  da barra de chocolate.

Coloque o pavê na geladeira por no mínimo 4 horas antes de servir.
E ele fica assim ó :

 

Lindoooooo meu pacomê #modestiamodeon

Lindoooooo #modestiamodeon

 

Não tenho foto dele cortado porque não sobrou…hehehehehe

Boa ultima semana do ano pessoal!

Beijos

Amanda

@melecanacozinha

Para aquele momento eu quero um docinho agora...

Para aquele momento eu quero um docinho agora..

Tem coisas que você acredita que não darão certo..

Quando eu vi que esta receita era de um pudim de leite em pó, primeira coisa que eu pensei: O que? Ah para, não vai ficar com gosto de pudim, nem furinhos vai ter.

Porém, qual foi a minha surpresa quando o pudim ficou com essa cara de pudim que vocês estão vendo na foto.

Confesso que o gosto não é igual, mas dá para dar aquela disfarçada no estômago quando a dispensa está tão vazia que ela faz cri cri.

Vamos Lá?

Ingredientes

12 colheres de leite em pó
10 colheres de açúcar
3 ovos
4 xícaras de água.

Para a calda

2 xícaras de açúcar.
Só? sim só.

Primeiro faça o caramelo. Coloque o açúcar na forma para pudim, e coloque no fogo mais baixo que tiver  no seu fogão. Quando ele começar a derreter, mexa com uma colher, mas tome muito cuidado para não queimar. Se você achar que vai queimar, tire do fogo rápido, segurando a forma com um pano, e continue mexendo, pois o calor vai permanecer na forma. Se algum dos meus leitores amados tiver uma receitinha infalível de caramelo eu aceito, pois soooooofro toda vez que eu tenho que fazer um. Descobri que a @deliciando também..hihihihihi

Para o pudim coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata até ficar uma mistura homogênea.

Com o caramelo pronto, coloque o pudim na forma, e cubra com papel alumínio (suuuuuuper importante, pois sem ele, o pudim ficará cru), de asse por mais ou menos 40 minutos ou mais.

Quando o pudim estiver firme, retire do forno e desenforme.

Sente na frente da T.V e coma uma sobremesinha digna de um dia quando precisamos de um quentinho a mais na barriga.

Bom fim de semana!!

Amanda

@melecanacozinha

Tags: ,
Recheio bommmmmm

Recheio bommmmmm

Eu sou uma pessoa lombriguenta. Fato.

Uma pessoa não pode mencionar uma comida para mim que eu já fico com ela na cabeça.

E não sossego enquanto não acalmar a minha lombriga eterna..hahahahahha

Esses dias, conversando com um amigo, ele mencionou o cookies da Mônica do Friends.
Pá, na hora já veio na minha cabeça a imagem mental daquele cookie e aquilo dominou a minha memória por dias.
No feriado estava decidida a fazer cookies. Qualquer um, precisava matar a minha vontade.
Então, pedi no meu twitter, para os amigos uma receita legal.
Quando então, a @samegui do @cozinhaconversa me manda esta receita.
Meus olhos brilharam tanto quando eu vi um pequeno link para Nestle ToolHouse . O que como?
Veja esse video antes para entender o brilhantismo da receita da @samegui .
A emoção foi muuuuuuuuuita!

Emoção de fã de friends a parte, vamos a receita!

2 ovos
1/2 xícara de açúcar refinado
1/2 xícara de açúcar mascavo
100 gramas de manteiga em temperatura ambiente
1 colher de chá de fermento em pó
3/4 de colher de chá de bicabonato de sódio
1 xícara de aveia em flocos finos
1 e meia xícara de farinha de trigo, até dar ponto.
1 barra de 170 gramas de chocolate meio amargo picado. Eu usei o hersheys.

Bata os ovos, os açúcares, e a margarina até formar um creme fofo.
Adicione o fermento, o bicarbonato e a aveia e bata até ficar homogêneo.
Adicione a  farinha a farinha e continue batendo( não vai dar para bater muito, pois vai ficar uma mistura grossa)
Retire da batedeira e adicione o chocolate picado. Misture com um garfo.
A massa tem que estar em ponto de modelar bolinhas, então pode ser que você tenha que colocar um pouco mais de farinha depois.

Modele bolinhas e leve para assar em uma forma untada e enfarinhada.

Dê um espaço bom entre um e outro porque eles crescem bastante.

Deixei assar por mais ou menos 12 minutos até que as bordinhas dourassem. Ele sai meio mole mesmo do forno mas endurece depois.

Deixe esfriar e coloque em um pote tampado. Não sei quantos dias dura porque aqui em casa não durou nem 24 horas e rendeu uns 25. hahahahahahahah

É a melhor receita de cookies que eu já vi!

Bom restinho de semana!

Beijos

Amanda

Eu adoro frozen, mesmo no frio!

Eu adoro frozen, mesmo no frio!

Oi Gente!

Estamos no fim das minhas férias!! ( todos choram..)

O marido mantém um blog que fala sobre Direito e questões de civilidade.
Nós fomos convidados (através do blog dele) a conhecer um fabricante de frozen yougurt e tirar todas as nossas dúvidas.
Fomos até São Paulo, no representante da empresa Greenberry.
Fomos atendidos pelo Sr. Jang, que nos deu uma aula de frozen.
Ele nos contou que atualmente, no país, há mais de 100 empresas que trabalham com frozen yogurt.
E, que este é um mercado em crescimento, porem com algumas dificuldades, pois o “mix” em muitos lugares já está fechado, principalmente em shoppings.
O aumento das empresas não gera controle de qualidade, pois ainda não há um parâmetro a ser seguido.
Cada uma segue o seu parâmetro, e cada uma decide se cuida ou não do seu franqueado.
A maioria das empresas, deixa o franqueado sem auxílio nenhum, por este motivo que podem ocorrer variação de sabor e qualidade entre franquias.
Para produzir um frozen, é necessário misturar ao insumo, de 4 a 5 litros de leite.
O que ocorre é que, as vezes os franqueados, para economizar, podem misturar a água ou a amido de milho, o que deixa ele mole, ou com gosto de pó.
O valor do insumo do frozen é caro, o que faz com que o produto final fique caro também.
Porém, a margem de lucro de uma franqueada, em um ponto bom é muito alta.
O frozen, no momento da preparação, ele necessita de atenção, tendo em vista que o clima influencia e muito no produto final.
Nesta área fomos atendidos pelo Sr. Geraldo, que nos preparou o frozen na nossa frente, e explicou que ele pode sair com mais ar ( o que da a sensação do frozen ser mais “leve”) e com menos ar ( o que dá a sensação do frozen ser mais pesado).
Degustamos do frozen da Greenberry, e eu achei doce.
Muito gostoso, pois a primeira colherada ele tem aquele azedinho caracteristico do frozen, porém depois fica docinho.
Fomos apresentados as caldas, todas italianas, ao pacotinho que contém o pó de ouro   do insumo.

Insumo para a produção do frozen.. eu querooo

Insumo para a produção do frozen.. eu querooo

Vontade de levar para casa!

Adorei a visita e aprendi muito!

*este não é um publieditorial

Beijos

Amanda

@melecanacozinha

 

Tags: ,
Eu e o bolo na cozinha da Yoki. Foto da Marina

Eu e o bolo na cozinha da Yoki. Foto da Marina

Oi Gente!

Eu adoro Festa Junina!

Este ano ainda a festa junina teve um gostinho todo especial( e vai ser inesquecível) por dois motivos:
1) Fiz um vídeo para a yoki com uma receita junina
2)Fizemos uma festa Junina na Creche, uma enorme para arrecadar fundos para comprar brinquedos para as crianças.

Como vocês poderão ver no vídeo, eu fiz uma receita de bolo cremoso de fubá, um bolo que é uma delícia!

O vídeo tá aqui

Então, vamos a receita?

Ingredientes

  •     4 xícaras(chá) de leite
  •    3 ovos
  •    2 xícaras (chá) de FUBÁ YOKI
  •    3 xícaras (chá) de açúcar
  •    3 colheres (sopa) de farinha de trigo
  •   2 colheres (sopa) de margarina
  •   6 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado  ( aqueles que você pede para ralar no mercado)
  •   1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes( com exceção do fermento e o queijo) no liquidificador até obter uma mistura homogênea.
Junte o fermento e bata com o auxílio do fouet (lembra que eu falei que ele é importante) ou um garfo até ele se dissolver.
Depois, adicione o queijo e misture.
Coloque em uma forma untada e enfarinhada. Leve para assar em forno médio pré aquecido, até dourar em cima.

Um segredinho que me ensinaram para esse bolo. Você deve assar ele em forma retangular. A redonda não dá certo.

Eu agradeço muito ao pessoal da agência Aktuell que conseguiram doações de MUUUUUUUUUUUUUUITAS coisas da Yoki, para que a Festa Junina da Creche fosse mais do que completa.

Uma parte das doações

Uma parte das doações

 

Eu sei que o tempo de festa Junina já está acabando, mas no site tem muitas receitas gostosas que a gente faz o ano inteiro!
Ontem mesmo eu fiz uma receita de Cuscuz que é uma delícia! ( e eu nunca tinha feito, fiquei com muito medo de dar errado..rs)

Aproveite o friozinho para fazer umas coisas bem gostosas!

Beijos

Amanda

@melecanacozinha

 

 

 

 

Saca só o brigadeiro escorrendo.. hummm

Saca só o brigadeiro escorrendo.. hummm

Oi Gente!

Tem coisas que inevitavelmente lembram a gente dos tempos da brilhantina.
Bolo Nega Maluca é uma delas.
A minha mãe me ensinou muitas lições, e uma delas, é o amor pela cozinha.
Desde cedo eu e a minha irmã já estávamos nos bolos.
A diversão de férias era cozinhar, e ainda lembro do caderninho todo  respingado na  receita do nega maluca.
Como não moro mais com a mamãe, peguei esta receita de uma amiga, queridona que é a @dehbora

A dela tem uma história super especial que espero que tenha o mesmo fim (ou melhor ainda, pois  o mundo pertence a Clarice) que o meu.
A receita da Deh está aqui.

Vamos Lá?

3 ovos
1 xícara (chá) de óleo
2 xícaras(chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de chocolate em pó (uso o da Garoto, sem açúcar)
1 xícara de (chá) de água quente
1 colher de sopa de fermento em pó

Bata na batedeira os ovos inteiros, sem separar a gema da clara.
Quando a mistura estiverer bem homogênea, adicione o óleo, mas em fio.
(A Deh dá a dica de colocar como se fosse fazer uma maionese), e bata até a mistura ficar bem aerada.
Continue batendo e adicione a farinha, a água, o açúcar e o cacau em pó.
Desligue a batedeira e adicione o fermento, misturando com a ajuda de um garfo ou um fouet ( é sempre bom ter um na cozinha, o fouet salva a gente naquele momento de preguiça de sujar a batedeira).

Coloque em uma forma média, untada e asse em forno médio (180 a 200º) por aproximadamente 30 minutos ou ao espetar um palito ele saia seco.

Agora vem a parte ruim  boa dessa receita:

Para fazer um brigadeiro bem gostoso vamos usar:

1 lata de leite condensado
3 colheres de chocolate em pó
2 colheres de margarina ou manteiga sem sal

Coloque todos os ingredientes na panela e cozinhe até ficar no ponto de brigadeiro mole ( um mingau mais molinho).

Espalhe por cima do bolo e cubra com granulado ou o que você preferir. Eu cobri com confeitos de bolinha.

 

*Bolo altamente recomendável para períodos de TPM. Favor usar com moderação..

 

Beijos

Amanda

@melecanacozinha